segunda-feira, outubro 16, 2006

hoje (4)

3 comentários:

Lu disse...

Eu ainda acredito que há uma saída, uma seta indicando a direção... e no fim, o riso.

alves PEDRO disse...

era mais ou menos isso que eu ia dizer Lu.

a unica saída possivel é o espaço a liberdade, o grito, o choro ou o sorriso mas de nada vale bater contra as paredes.

Lu disse...

Pedro, meu Pedro, como é bom chamar-te assim, tem sabor de aconchego.
Isso mesmo, vamos dar um jeito de sair do labirinto sem quebrar um único tijolo dessas paredes. Se preciso for, voaremos.
Beijo