sexta-feira, outubro 13, 2006

tercetos sobre a vida, a morte & coisas que tal (11)

sobre o amor II:

dizes que estou longe quando a noite cai e o meu corpo
não é o abraço do teu. enganas-te. é na minha solidão que
te encontro. como se inalássemos juntos um pedaço do céu.
*

1 comentário:

luciana MELO disse...

Você escrevendo sou eu sentindo, meu Vítor.
:))